segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Flores


"Todos querem o perfume das flores, mas poucos sujas as suas mãos para cultivá-las"

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Igreja São João Baptista em Alcochete



O Plano arquitectónico geral representa uma forma de arquitectura religiosa gótica tradicional, cuja a origem recua aos primeiros exemplos do século XIII.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Sonhos



"Se seus sonhos estiverem nas nuvens, não se preocupe, pois        eles estão no lugar certo; agora construa os alicerces."
(Dalai Lama)




























segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Chuva de estrelas


"A minha estrela é toda especial
  É muito bela e não a troco por nada
  Mesmo no escuro é sempre iluminada
  Brilha mesmo com chuva ou temporal."
   (Carol Carolina)

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

A abelha e a flor



"Nada se assemelha à alma como a abelha. Esta voa de flor em flor, aquela de estrela para estrela. A abelha traz o mel como a alma traz a luz."
(Vitor Hugo)

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Tranquilidade


"Quando não conseguimos encontrar a tranquilidade dentro de nós mesmos, de nada serve procurá-la noutro lugar"
Autor desconhecido

domingo, 25 de setembro de 2011

O Mar


"A arte de escutar é como a luz que dissipa a escuridão da ignorância"
(Dalai Lama)



quinta-feira, 15 de setembro de 2011

O luar


"Entre os ramos, filtrava-se o luar,
E as folhas, de reflexos prateados,
Luziam com segredos murmurados
Nos beijos que trocava cada par.

E a lua, complacente, em seu lugar,
Sorria, com maneiras delicadas,
Às estrelas brilhantes, aliadas,
Companheiras de sonhos de encantar."

(António Barroso (Tiago)

 

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Vida no campo


"Vida no campo é serena e bela,
Ar puro e matas verdejantes,
Pássaros e flores em estonteantes,
Sinfonias de trinados e cores na janela!"
(Pedro Paulo da Gama Bentes)

sábado, 20 de agosto de 2011

Reflexos





"O amor é um conflito entre nossos reflexos e nossas reflexões.”
(Magnus Hirschfeld)

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Natureza Morta










"Ninguém sabe o sabor de um alimento se não o experimentou. Assim também é a vida."

(Paola Rhoden)

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Rosas


"O amor é como as rosas,
Cada pétala uma ilusão, cada espinho uma realidade!"
(Priscila Julieta)

sábado, 16 de julho de 2011

O TEU OLHAR...


"A emoção não está guardada nas fortes batidas do coração, mas sim na fragilidade do olhar."
(Navara Neves)

terça-feira, 12 de julho de 2011

segunda-feira, 11 de julho de 2011

CAVALO


"Como um cavalo louco
percorri livremente
o campo de flores
do verde dos teus anos
e a dor da tua ausência
que só me causou danos
levou-me doidamente
ao cansaço de amores
na minha consciência.
O amor que tu negaste
mudando-me o viver
e o vazio que deixaste
no íntimo do ser
tomou-me pouco a pouco
provocando a demência
que me obriga a correr
como um cavalo louco
o tempo p'ra viver
no campo de flores
da minha existência"

(José Marques)

quinta-feira, 16 de junho de 2011

O FAROL



"A desconfiança é o farol que guia o prudente. "
( William Shakespeare )

quarta-feira, 15 de junho de 2011

A MOSCA


“As leis são teias de aranha pelas quais as moscas grandes passam e as pequenas ficam presas.”

quarta-feira, 8 de junho de 2011

CEREJAS


"Foi um beijo com sabor
diferente... quente
rosado das cerejas maduras,
flor dormente.
Dizem que os beijos
são como as cerejas!
Ou serão as palavras
rosadas, vermelhas,
redondas e doces?
Para ti eu faço um ramo
de palavras, cerejas e beijos.
Depois, guardo as flores
num poema com pintas
rosadas, vermelhas
das cerejas, dou um nó
com um laço e
mando-te... um beijo."

(Poema do Livro Canticos Paralelos)

quinta-feira, 26 de maio de 2011

A ROSA



“Algumas pessoas são como rosas. Muito bonitas de se admirar e ao mesmo tempo tão cheias de espinhos, que ferem a quem delas se aproxima.”
(Ivo de Chagas Filho)

sexta-feira, 20 de maio de 2011

BORBOLETAS










"Borboletas são tão belas o que seria delas
Se não pudessem voar?
O céu e as estrelas não poderiam vê-las passar
Lá fora eu vejo um mundo
E sinto lá no fundo
Que aqui não é o meu lugar
Eu sou pequenininha e fico aqui sozinha a sonhar
O meu coração me diz
Que um dia vou ser feliz
Voar para bem longe como eu sempre quis
Um dia eu tive a chance de ter ao meu alcance
O que fez transformar
Sonho em realidade, escuridão em brilho no olhar
Eu vi que na verdade
A dor um dia pode ter fim
Achei a liberdade, ela tava dentro de mim
O meu coração me diz
Agora eu já sou feliz
Voei para bem longe como eu sempre quis..."
(Luciana Mello)

quinta-feira, 19 de maio de 2011

terça-feira, 17 de maio de 2011

SIMPLICIDADE


"Pessoas fascinantes, são aquelas que têm simplicidade, e originalidade como o sopro do vento… Entender e aceitar que a perda também faz parte da vida é tão difícil quanto caminhar sem tropeços no escuro; mas, se pensarmos bem, os maiores vencedores na vida foram justamente aqueles que não se renderam ao primeiro fracasso."
(Camyla Gonçalves Cantanheide)

terça-feira, 10 de maio de 2011

Formatos RAW e JPEG

O formato JPEG

O formato JPEG encontra-se em todas as câmaras. Trata-se de um formato comprimido com uma perda de qualidade dificilmente perceptível e permite o armazenamento de uma quantidade considerável de imagens, embora sejam de grande tamanho (em pixeis).
O JPEG engloba, além dos parâmetros de dimensão e de compressão, os parâmetros que estão seleccionados para cada foto: o contraste, a nitidez, o balanço de brancos e a tonalidade de cor.

O Mito do JPEG

Um dos mitos que rodeia o JPEG diz que abrir e fechar muitas vezes a imagem neste formato (para visualiza-la)  acaba por degradar a fotografia. Realmente, há um fundo de verdade nisto, pois, de cada vez que se abre, edita e volta a gravar um JPEG, este é recomprimido e após muitos ciclos de abertura, edição e fecho, começam a notar-se os resultados da compressão adicional, a qual é sempre feita descartando informação.
Contudo, isto não acontece com a simples visualização das imagens.

O formato RAW

Muitas câmaras oferecem a possibilidade de guardar também as imagens em formato RAW.
O RAW pelas suas caracteristicas é muito utilizado pelos profissionais porque permite manipular posteriormente em computador todas as informações que a câmara captou, garantindo sempre a máxima qualidade da imagem e a máxima liberdade para interpretá-la.
O RAW não pode ser visualizado nem impresso directamente, é preciso que seja lido num computador através de um programa específico.
A vantagem é que estamos na presença do que se pode considerar como o equivalente digital do negativo, sem adulteração; a desvantagem é que a menos que saibamos o que estamos a fazer ao tratar a informação RAW, os ficheiros de imagem finais poderão ser piores do que se tivéssemos deixado a câmara gravar directamente a informação em JPEG.

PRÓS E CONTRAS

JPEG
  • Mais fotos no cartão
  • Disparos mais rápidos
Evitar:
  • Se as fotos são "importantes"
  • Se quiser melhor qualidade


RAW

  • Mais qualidade;
  • Correcção de erros do disparo.
Evitar:


  • Se tiver cartões de pouca capacidade;
  • Se é um principiante;
  • Se necessita de rapidez.

QUAL O MELHOR?

Caso a sua máquina o suporte, a alternativa passa pelo RAW, uma vez que oferece a possibilidade de manipulação directa da imagem a partir do estado em que foi capturada pelo sensor. No entanto, a manipulação do Raw requer algum cuidado e o fotografo deverá investir algum do seu tempo a aprender a melhorar forma de manipular os resultados.


quinta-feira, 5 de maio de 2011

ÁRVORES DESPIDAS


"Uma árvore em flor fica despida no outono. A beleza transforma-se em feiúra, a juventude em velhice e o erro em virtude. Nada fica sempre igual e nada existe realmente. Portanto, as aparências e o vazio existem simultaneamente. "
(Dalai Lama)

segunda-feira, 2 de maio de 2011

NAS NUVENS...


"As nuvens mudam sempre de posição,
mas são sempre nuvens no céu.
Assim devemos ser todo dia, mutantes,
porém, leais com o que pensamos e sonhamos;
lembre-se, tudo se desmancha no ar,
menos os pensamentos."
(Paulo Baleki)

sábado, 30 de abril de 2011

O NASCER DE UMA NOVA VIDA


" A palavra maternidade vai muito além das definições que encontramos nos melhores dicionários de língua portuguesa ou de qualquer outro idioma, maternidade é entrega total, é dar a vida em todos os momentos, desde a concepção até ao último suspiro, isso é ser mãe."
(Luis Alves) 

NAVEGANDO...


Deslizo e balanço por este mar que me leva sei lá para onde... para o infinito...
O meu rosto é acariciado pela leve brisa que me envolve neste deleito maravilhoso que é navegar...
Em meu redor dançam gaivotas cantando canções de embalar, os meus olhos semicerrados deslumbram um tom rosa que revelam o entardecer.
Balanço... balanço... por este mar dentro...
(Maria do Céu Matos)

segunda-feira, 25 de abril de 2011